‘Futebol feminino é terreno fértil para lesbianismo’, dispara presidente de clube colombiano

O presidente do Deportes Tolima, clube da Colômbia, causou polêmica nesta semana por declarações sobre o futebol feminino.

“O campeonato das mulheres não dá nada financeiramente. As mulheres bebem mais que os homens, e a liga é um terreno fértil para o lesbianismo”, disparou Gabriel Camargo.

Curiosamente, o Tolima foi campeão da primeira edição da liga feminina colombiana, neste ano, e vai representar o país na versão da Libertadores de 2019 para as mulheres, informa o Extra.

A declaração gerou revolta no mundo futebolístico e nas redes sociais, contou o jornal “El País”.

“Presidente Camargo, não se esqueça de onde vêm os seus filhos… uma mulher. Ou quer uma jogadora que passe roupas e lave os pratos do clube?”, indagou Yoreli Rincón, atleta do Atlético Huila, campeão da segunda edição da liga, ainda neste ano.

21/12/2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *