Homem que cozinham e cuidam dos filhos podem virar gays, afirma Igreja evangélica chilena

homem-cuida-do-filho

A Igreja Evangélica Pentecostal do Renascimento, do Chile, causou polêmica com uma publicação recente no Facebook. Em um comunicado, a congregação usou o termo “doença” para dizer que os homens podem se tornar gays se tiverem o hábito de realizar “tarefas de mulher”.

 

“A homossexualidade é uma doença que os homens podem contrair se realizarem práticas que antes eram consideradas responsabilidade exclusiva das mulheres”, dizia o texto. Em outro trecho, a igreja afirmava que cozinhar ou cuidar dos filhos levam os homens a correrem “graves riscos de adoecer com homossexualidade”.

Segundo o “Jornal Hoy”, a publicação causou muita polêmica e foi apagada pela congregação, que em seguida fez um pedido de desculpa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *